segunda-feira, 30 de julho de 2012

Exposição em São Paulo


Exposição - O Ateliê de Oswaldo Goeldi

Acontece até 19 de agosto de 2012A exposição remonta seu espaço de criação no Rio de Janeiro, exibindo instrumentos de trabalho e objetos pessoais.

Endereço:
MAM:
 Museu de Arte Moderna:
Av. Pedro Álvarez Cabral, s/nº, portão 3, Ibirapuera 150; São Paulo
Horário: 5ª a sábado, das 10 às 17h30
Telefone: (11) 5085 1300
Entrada: R$5,50
(Entrada franca aos domingos, para menores de 10 anos e maiores de 65 anos).

Site oficial: www.mam.org.br
Fonte: FEAMBRA

segunda-feira, 23 de julho de 2012

Exposição Poética do Urbano na Cidade de São Paulo




SP é retratada em exposição de fotos sobre cenários urbanos 'Poética do urbano' 
mostra trechos da Av. 23 de Maio e da 25 de Março.
Imagens ficarão expostas até o dia 26 de julho em espaço na Zona Sul.
A fotógrafa retratou cenários tipicamente urbanos de diversas cidades do mundo, inclusive São Paulo.

A cidade de São Paulo está sendo  retratada desde o dia (2) segunda-feira, sob o olhar da fotógrafa paulistana Priscila Malta na exposição “Poética do urbano”, no Club Transatlântico, na Chácara Santo Antônio, Zona Sul da capital.
A exposição é composta por 14 fotos de diversas cidades do mundo, como Berlim, Londres, Miami, 
Los Angeles e a capital paulista.
As fotos ficarão em exibição até 26 de julho de 2012.

As imagens da exposição foram feitas em uma jornada de viagens feita pela fotógrafa em um período de um ano. Todas retratam cenários tipicamente urbanos, como a Avenida 23 de Maio e a Rua 25 de Março, 
em São Paulo.
O trabalho é marcado pelo estudo de placas e seus dizeres,
bem como o cotidiano das vias públicas.
A Rua 25 de Março também foi retratada pela fotógrafa paulistana:


Exposição Poética do Urbano

Quando: de 2 a 26 de julho
Horário: de segunda a sexta, das 9h às 22h.
Onde: Club Transatlântico – Rua José Guerra, 130, Chácara Santo Antônio
Telefone: (11) 2133 8600/ (11) 2133 8697
Entrada franca

Fonte: G1

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Aniversário do Pai da Aviação- Alberto Santos Dumont


 Santos Dumont comemoraria hoje 139 anos.

O Google está homenageando este grande gênio com o doodle acima na sua página inicial de buscas. Naturalmente o doodle aparece apenas para o Google Brasil, já que os norte-americanos adoram afirmar que foram os irmãos Wright que inventaram o avião.

Criar uma máquina “mais pesada que o ar” que pode decolar e voar sozinha não é um feito qualquer. E Santos Dumont foi indubitavelmente o primeiro a realizá-lo já que a máquina voadora original dos irmãos Wright foi em realidade catapultada já que não conseguia decolar por si só.

O mais curioso é que desde o 14 Bis apenas recentemente foi descoberto a causa real pela qual os aviões conseguem voar…


Santos Dumont também foi quem popularizou os relógios de pulso entre os homens. Ele era grande amigo do famoso relojoeiro Louis Cartier e reclamou para o mesmo que tinha muita dificuldade em cronometrar os voos de suas máquinas malucas usando relógios de bolso ao mesmo tempo que as pilotava. Cartier em seguida o presenteou com um relógio de pulso com pulseira de couro com o qual cronometrava seus recordes voadores.

Em 1908 Santos Dumont foi diagnosticado com esclerose múltipla e não era mais capaz de dirigir ou pilotar suas invenções e a doença o levou a uma profunda depressão. De certa maneira podemos dizer que sua invenção também foi, de certa maneira, a causa de sua morte. Suicidou-se aos 59 anos de idade possivelmente por haver avistado os aviões de Getúlio Vargas a caminho de um ataque contra a Revolução Constitucionalista no Campo de Marte em 23 de julho de 1932.

Para saber mais sobre a vida e obra deste grande homem leia este artigo da Wikipédia sobre Santos Dumont.

Fonte: http://hypescience.com/santos-dumont/


DIA 20 DE JULHO-DIA INTERNACIONAL DO AMIGO!





DIA 20 DE JULHO-DIA INTERNACIONAL DO AMIGO!

" Amigos "

Tenho amigos que não sabem o quanto são meus amigos.
Não percebem o amor que lhes devoto e a absoluta necessidade que tenho deles.

A amizade é um sentimento mais nobre do que o amor, eis que permite que o objeto dela se divida em outros afetos, enquanto o amor tem intrínseco o ciúme, que não admite a rivalidade.

E eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!
Até mesmo aqueles que não percebem o quanto são meus amigos e o quanto minha vida depende de suas existências ...

A alguns deles não procuro, basta-me saber que eles existem.
Esta mera condição me encoraja a seguir em frente pela vida.
Mas, porque não os procuro com assiduidade, não posso lhes dizer o quanto gosto deles. Eles não iriam acreditar.

Muitos deles estão lendo esta crônica e não sabem que estão incluídos na sagrada relação de meus amigos.
Mas é delicioso que eu saiba e sinta que os adoro,
embora não declare e não os procure.

E às vezes, quando os procuro, noto que eles não tem noção de como me são necessários, de como são indispensáveis ao meu equilíbrio vital, porque eles fazem parte do mundo que eu, tremulamente, construí e se tornaram alicerces do meu encanto pela vida.

Se um deles morrer, eu ficarei torto para um lado.
Se todos eles morrerem, eu desabo!
Por isso é que, sem que eles saibam, eu rezo pela vida deles.

E me envergonho, porque essa minha prece é, em síntese,
dirigida ao meu bem estar. Ela é, talvez, fruto do meu egoísmo.
Por vezes, mergulho em pensamentos sobre alguns deles.

Quando viajo e fico diante de lugares maravilhosos, cai-me alguma lágrima por não estarem junto de mim, compartilhando daquele prazer ...

Se alguma coisa me consome e me envelhece é que a roda furiosa da vida
não me permite ter sempre ao meu lado, morando comigo, andando comigo,
falando comigo, vivendo comigo, todos os meus amigos, e, principalmente
os que só desconfiam ou talvez nunca vão saber que são meus amigos!

A gente não faz amigos, reconhece-os.
(Vinícius de Moraes)


Grupos ARTFORUM SP
Dir. Edna MarS












terça-feira, 17 de julho de 2012

Memorial em homenagem às vítimas do voo da TAM será inaugurado nesta 3ª em SP



Memorial em homenagem às vítimas da TAM

Cinco anos após tragédia que matou 199 pessoas, praça com monumento será inaugurada nesta terça-feira (17) às 18h45, a Praça Memorial 17 de Julho, em homenagem às 199 vítimas do maior desastre aéreo da aviação nacional, a queda do voo JJ 3054 da TAM, há  cinco anos.
O horário e o local da cerimônia marcarão o momento e o lugar exatos da tragédia.

No terreno do memorial, na Avenida Washington Luís, próximo à cabeceira da pista do Aeroporto de Congonhas, ficava um depósito de cargas da TAM. A empresa doou a propriedade para a Prefeitura, que arcou com os custos e a construção do monumento.

Autoridades municipais e estaduais vão à inauguração, bem como familiares das vítimas e religiosos. Uma missa campal vai ser celebrada pelo bispo de Santo Amaro, dom Fernando Figueiredo, às 17h30.
“É um marco importante para todos nós”, disse Archelau Xavier, vice-presidente da Anfavitam (Associação de Familiares e Amigos das Vítimas do Voo TAM JJ3054).

O ponto central da praça é ocupado por uma amoreira que sobreviveu ao impacto. Ao seu redor foi construído um espelho d’água, em torno do qual serão gravados em baixo relevo os nomes dos 199 mortos no acidente. No piso foram instaladas 199 luzes de led representando as vítimas.

A iluminação conta com 25 postes desenhados especialmente para o local com três focos de luz cada um, com as luzes dispostas em um círculo. Ocupando uma área de 8.318 metros quadrados, o equipamento tem espaço de lazer e convivência. O projeto é do arquiteto Marcos Cartum.

 “Nós fizemos algumas solicitações, entre elas que o nome Memorial 17 de Julho ficasse visível da Avenida Washington Luís, além dos nomes das vítimas no local, como acontece normalmente em outros memoriais do mundo”, afirmou Archelau Xavier, que perdeu a filha Paula Masseram Xavier, que  tinha completou 24 anos no dia do acidente com o Airbus A320.

3,6
milhões de reais custou a obra da Praça Memorial

Árvore recebeu cuidados e conseguiu sobreviver...




A amoreira que sobreviveu ao impacto do avião recebeu atenção de biólogos e especialistas e deu frutos neste ano pela primeira vez depois do acidente com o avião da TAM.

Plantas nas pedras são símbolo de continuação

No muro de arrimo que cerca a praça foram colocadas plantas que brotam no meio das pedras. “É uma forma de celebrar a vida que renasce”, disse o arquiteto Marcos Cartum.


Aos Familiares, Amigos e  Vítimas do vôo Airbus A320 da TAM,
nossas sinceras condolências ...


Grupos ARTFORUM SP
Dir. Edna MarS













quinta-feira, 12 de julho de 2012

Freedom





" Dia de chuva na cidade de São Paulo...o que mais me agrada nestes climas frios
além de uma fatia de bolo e chá...é a  boa leitura!
enquanto eu lia Cecília Meireles, tomei uma xícara de chá e em seguida folheava
umas reflexões de Fernando Pessoa.Escolhi ao acaso para compartilhar com voce.
-Tenho aqui  um dos meus poemas preferidos, de Fernando Pessoa ...retrata bem
a fase de mudanças que muitas vezes passamos e até deixamos passar lições desapercebidas,
sem dar muito ênfase aos ciclos que a caminhada propôe..."

-Vale a pena conferir!



" Não se acostume com o que não o faz feliz,
 revolte-se quando julgar necessário.
Alague seu coração de esperanças,
mas não deixe que ele se afogue nelas.
Se achar que precisa voltar, volte!
Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado, comece novamente.
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-a.
Se perder um amor, não se perca!
Se o achar, segure-o!"

(Fernando Pessoa)


domingo, 8 de julho de 2012

O Valor da Amizade




 Conta uma lenda árabe que dois amigos viajavam frequentemente pelo deserto
e certa vez discutiram, brigaram e um esbofeteou o outro.
O que apanhou sem nada dizer escreveu na areia:

"Hoje, meu melhor amigo me bateu no rosto".

Mais tarde fizeram as pazes e seguiram viagem.
Chegaram num oásis resolveram tomar banho.

O que havia sido esbofeteado começou a afogar-se,
sendo salvo por seu amigo.

Quando se recuperou escreveu numa pedra

"Hoje meu melhor amigo salvou minha vida".
Intrigado, o outro perguntou:“
- diga-me; por que depois que bati em você escreveu na areia,
agora que te salvei a vida escreveu na pedra?”

Sorrindo, o outro respondeu:“

-Quando um grande amigo nos ofende,
deveremos escrever na areia, onde o vento do esquecimento
e do perdão se encarregam de apagar.

Mas quando nos faz algo grandioso, deveremos gravar na pedra da memória do coração,
onde nenhum vento do mundo poderá apagar!”



Pensemos o quão gratificante é poder todos os dias
sermos gratos as pessoas , afinal elas são nossos
Mestres, instrumentos valiosos que Deus nos concede a fim de que
possamos aprender a desenvolver a gratidão e o perdão!

 Pense nisso...
Boa Semana!


sexta-feira, 6 de julho de 2012

COPACABANA - Comemora 120 anos




Aniversário de Copacabana

O bairro de Copacabana, na Zona Sul do Rio de Janeiro,
completa 120 anos nesta sexta-feira - 6 de julho de 2012.

Para celebrar, a Prefeitura da cidade e a Globo Rio organizam um show
gratuito na praia, no Posto 2, em frente ao Copacabana Palace.
Além do aniversário do bairro, mais um motivo para o carioca comemorar:

a cidade é Patrimônio Cultural da Humanidade.

Parabéns Copacabana! 
- a tão tradicional - "Princesinha do Mar" 
pelos seus 120 anos de Fundação!

"COPACABANA "
(Braguinha)

Existem praias tão lindas
Cheias de luz
Nenhuma tem o encanto que tu possuis
Tuas areias
Teu céu tão lindo
Tuas sereias
Sempre sorrindo
Copacabana, princezinha do mar
Pelas manhãs tu és a vida a cantar
E à tardinha, ao sol poente
Deixas sempre uma saudade na gente
Copacabana, o mar eterno cantor Ao te beijar,
ficou perdido de amor
E hoje vive a murmurar
Só a ti Copacabana eu hei de amar.


quarta-feira, 4 de julho de 2012

Abertas inscrições até 15 de julho para Profissionais de Saúde!


A Mostra Nacional de Experiências Bem-Sucedidas em Epidemiologia  
será realizada no mês de outubro, em Brasília 


O prazo de inscrições para a 12ª Mostra Nacional de Experiências Bem-Sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças termina no dia 15 de julho. 
O evento será realizado em Brasília, no período de 16 a 19 de outubro deste ano, e tem como objetivo difundir temas importantes para a consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS). 
As inscrições podem ser feitas pela internet.

Serão premiados profissionais e os serviços de saúde do país que se destacaram no desenvolvimento de ações de vigilância em saúde.  Durante o evento também serão realizados debates técnico-científicos relevantes para o aprimoramento das ações de vigilância em saúde.
O edital de convocação, com as regras da competição para este ano, critérios de seleção dos trabalhos e premiação para cada uma das áreas priorizadas, foi publicado no Diário Oficial da União em 04/06/2012.

Modalidades de participação  

- Na modalidade I devem ser inscritas as experiências bem-sucedidas realizadas pelos serviços do SUS que contribuíram para o aprimoramento das ações de vigilância em saúde. 
A experiência vencedora em cada uma das 10 áreas desta modalidade receberá um prêmio no valor 
de R$ 50 mil, oferecido pela Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde.

A modalidade II (com apenas uma área específica)

é direcionada aos profissionais de saúde que atuam no SUS e desenvolveram trabalhos técnico-científicos
 em nível de pós-graduação e que contribuem para o aprimoramento das ações de vigilância em saúde. Serão concedidos prêmios no valor de R$12 mil para tese de doutorado, 
R$ 9 mil para dissertação de mestrado e R$ 6 mil para monografia de especialização.

Critérios para a seleção 

Os trabalhos serão selecionados segundo os critérios estabelecidos no edital de convocação. A experiência ou trabalho técnico-científico inscrito que não demonstrar sua contribuição ao aprimoramento das ações de vigilância em saúde será considerado inelegível para a mostra competitiva.

Clique aqui para ler a íntegra do edital:
Para fazer a inscrição da sua experiência, acesse o link:
http://formsus.datasus.gov.br/site/formulario.php?id_aplicacao=8485
Para fazer a inscrição do seu trabalho técnico-científico, acesse:
http://formsus.datasus.gov.br/site/formulario.php?id_aplicacao=8495

Fonte:  INCA




terça-feira, 3 de julho de 2012

A cura do câncer





A cura do câncer
Dr. Drauzio Varella

Se um dia você ouvir que foi encontrada a cura do câncer, não leve a sério.

O que chamamos de câncer é, na verdade, um conjunto de mais de cem doenças que, em comum, têm apenas a célula maligna. Não só os tumores originados nos diversos órgãos apresentam características próprias, como aqueles oriundos de um mesmo tecido evoluem de forma variável em cada indivíduo. Por exemplo: estima-se que para um câncer de mama atingir 1cm de diâmetro pode levar de dois a 17 anos, conforme o caso. Há tumores que se disseminam pelo organismo antes de serem detectáveis pelos exames radiológicos mais sensíveis, enquanto outros de aparência idêntica, operados quando já mediam 5cm, nunca se espalham.

É evidente que a escolha do tratamento precisa levar em conta todas essas peculiaridades. Para tanto, é fundamental identificarmos fatores prognósticos: conjunto das características que dão idéia da gravidade do quadro e da probabilidade de resposta à terapêutica.

Na década de 1970, sugiram os primeiros estudos cooperativos internacionais. Neles, pesquisadores de vários centros reúnem em pouco tempo centenas, milhares de pacientes com o mesmo tipo de câncer, divididos de acordo com determinados fatores prognósticos, para distribuí-los ao acaso com a finalidade de receber esquemas de tratamento que serão comparados estatisticamente no final.

Esses estudos provocaram uma revolução na cancerologia. Decidir a melhor forma de tratar alguém deixou de depender exclusivamente da impressão subjetiva do médico.

Hoje, por mais promissora que seja uma droga, só será aprovada para uso clínico caso demonstre eficácia nesses estudos internacionais com milhares de pacientes. Como consequência, dispomos de medicamentos bem avaliados, com índices de resposta previsíveis e toxicidade conhecida. Esse processo, no entanto, é caro e demorado. A indústria farmacêutica calcula que são necessários no mínimo dez anos de pesquisa
para lançar um novo produto no mercado, a um custo médio de um bilhão de dólares.

Para complicar, a experiência mostra que cada medicamento descoberto ajuda a curar apenas certos subgrupos de pacientes e a prolongar por mais alguns meses a sobrevida dos incuráveis.

Todos os tumores avançados que curamos nos dias atuais exigem combinações de várias drogas, frequentemente associadas a modalidades como cirurgia e radioterapia.

Cenário atual

Este é o cenário atual: a sociedade exige remédios eficazes e seguros, mas eles consomem tempo e dinheiro para provar sua utilidade. Num congresso internacional realizado neste mês na cidade americana de New Orleans, um pesquisador fez o cálculo de quanto gastaria um doente com câncer de intestino avançado que vivesse 18 meses à custa do uso dos principais antineoplásicos disponíveis: US$ 250 mil, sem contar gastos com analgésicos, exames, consultas ou internações! – “Que país poderá pagar essa despesa?” – perguntou ele.

Tradicionalmente, os avanços tecnológicos ficam mais baratos à medida que se popularizam. Entretanto, isso não acontece com a maioria dos medicamentos usados em oncologia; eles entram no comércio a um preço elevado para serem logo substituídos por inovações mais caras ainda.

Prevenção e diagnóstico precoce

Como não viveremos as décadas necessárias até a ciência descobrir e testar todas as drogas necessárias, o que fazer para não morrermos de câncer?

Antes de tudo, lembrar que essa é uma doença passível de prevenção: perto de 40% dos casos são provocados por cigarro. Vida sedentária, consumo exagerado de álcool, dietas pobres em vegetais e ricas em alimentos altamente calóricos que levam à obesidade são responsáveis por mais 30% (só para citar as causas evitáveis mais importantes).

Mas, como nos defender dos tumores que surgem ao acaso ou por predisposição genética?

Nessas situações, a única solução é o diagnóstico precoce. Alguns exames, como a mamografia, permitem evidenciar tumores antes de atingirem 1cm, apresentação curável em quase 100% dos casos. Outros, como a colonoscopia, permitem não apenas visualizar o intestino por dentro e surpreender tumores iniciais, como retirar lesões na fase pré-maligna para evitar sua progressão.

Estudo das proteínas Quanto às neoplasias para as quais não existem métodos preventivos, a solução virá com o estudo das proteínas.

Os tumores malignos às vezes aumentam a produção de certas proteínas normalmente excretadas pelos tecidos normais. A detecção delas na corrente sanguínea permite o diagnóstico precoce: é o caso do PSA, o exame para detectar o câncer de próstata.

Nos tumores em que ainda não foram identificadas proteínas desse tipo, a ciência básica deverá desenvolver todo esforço para fazê-lo. A tarefa é achar uma agulha no palheiro: encontrar, no meio de cerca de um milhão de proteínas presentes no sangue, qual delas foi produzida especificamente pela célula tumoral.

O conhecimento para tanto está disponível, o que falta é um Projeto Proteinoma de cooperação internacional, como foi o Projeto Genoma que identificou todos os genes humanos em 12 anos.

O conhecimento dessas proteínas exclusivas das células malignas possibilitará inquéritos populacionais com a finalidade de identificar os indivíduos que correm risco de apresentar câncer, de modo a surpreendê-lo na fase inicial. Permitirá ainda avaliar a agressividade de cada caso e a probabilidade de resposta ao tratamento proposto, para evitar o que acontece atualmente: tratarmos cem doentes com esquemas tóxicos, caríssimos, que beneficiarão apenas vinte.


A Ciência tem feito grandes avanços tecnológicos nas últimas décadas, portanto
sempre há uma esperança.Não desista jamais da Fé e da confiança depositada em seu médico!

Abraços fraternos,

Como as cores podem influenciar em sua vida




 Como as cores podem  influenciar em sua vida:



As cores podem influenciar diferentes climas e estimular as mais variadas sensações nas pessoas e no ambiente. Casar o tom certo da casa, do ambiente, da roupa com a do momento de vida requer certo conhecimento do espectro solar, que se divide em dois eixos principais: do vermelho até o verde-amarelado, as tonalidades são quentes. Do azul até o violeta, frias. No meio ficam o verde e o amarelo, com efeito de neutralidade.

Cores são ondas eletromagnéticas de diferentes comprimentos que influenciam o ser humano. Se usamos a cor cuja vibração está adequada à circunstância, criamos, de fato, maiores hipóteses de êxito.

Segundo os chineses, as cores ampliam ou restringem o Chi, energia vital, do ser humano. Elas afetam o nosso equilíbrio energético e, portanto, torna-se essencial que estejamos conscientes da importância da sua escolha. "Pessoas que insistem muito nos tons neutros, tanto nas roupas como na decoração das casas, muitas vezes revelam apenas o medo de expressar a sua alma para o mundo."

Agora, descubra as tonalidades que lhe fazem bem!

VERMELHO




Domina todas as cores. Trata-se de uma cor poderosa. Força, resistência, coragem, firmeza, sexualidade e saúde são atributos do vermelho. É a cor das pessoas sociáveis, passionais e gentis. Aumenta o calor da pele, a temperatura do corpo, acelera o coração, aumenta o ritmo respiratório, favorece a libertação dos hormônios e estimula a atividade sexual. Também é considerada muito auspiciosa, pois, na tradicional cultura chinesa, associa-se à sorte, felicidade e fama, qualidades ligadas ao elemento fogo. Atrai a atenção masculina, é excitante. Cor do fogo e do sangue, faz com que desviemos a atenção de nós mesmos para o mundo. É usado no Feng Shui, nas áreas do sucesso e do relacionamento.

Como usar: para aquecer, alegrar e atrair a atenção. Vista roupas ou acessórios vermelhos para aumentar seu magnetismo e poder de liderança. Evite o vermelho puro em quartos e salas de espera. Coloque detalhes dessa cor em ambientes onde se queira estimular os lucros e sucesso.

LARANJA



Mistura de vermelho e do amarelo, tem as vibrações características dessas duas cores: poder e alegria. Cor da luxuria e do prazer, que atrai pessoas vistosas e que apreciam uma intensa vida social. O laranja é a cor da juventude, da força, do destemor, da curiosidade, estimula as cores frias e sua cor complementar é o azul. É uma cor sociável, que estimula otimismo, expansão, equilíbrio emocional e ambiente para a comunicação. Em tonalidades mais suaves, como o pêssego (rosa, amarelo e branco) representa atração e amor. Esse matiz favorece muito as pessoas solteiras, porque é uma cor que atrai.

Como usar: em espaços de criação, escritórios, cozinhas e salas de jantar.

AMARELO


É a cor da felicidade, da sabedoria e da imaginação. Uma forte tendência para essa cor revela pessoas que estão sempre em busca de novidade e auto-satisfação. Também é uma cor muito usada por pessoas perspicazes e brilhantes, com boa cabeça para os negócios e um forte senso de humor. É uma tonalidade que motiva, atrai progresso, simpatia, estabilidade, lealdade e alegria. Associado ao verão e aos tons dourados produzidos pelo Sol, o amarelo, usado num ambiente, estimula a comunicação, o bom humor e a socialização. Em salas de refeições estimula o apetite.

Como usar: boa cor para utilizar em ambientes religiosos e locais de criação intelectual.

PÚRPURA e ROXO






É uma mescla de vermelho e azul. Quando essa tonalidade apresenta mais pigmentos vermelhos do que azuis, é conhecido como púrpura. Quando tem mais pigmentos azuis que vermelhos, é conhecido como roxo. De qualquer forma, é um tom que indica nobreza, poder, autoridade. Certamente não é uma cor fácil de conviver em grandes quantidades, para além de que é preciso uma forte personalidade para a "sustentar". Se prefere entre as cores o púrpura ou o roxo, talvez tenha a mania da grandeza ou talvez seja mesmo grande!

Como usar: serve para marcar locais de poder - mas basta estofar uma cadeira ou uma almofada com essa cor, pois é muito poderosa e marcante. Para a utilizar em ambientes maiores, é melhor diluir a cor, até atingir tonalidades mais suaves como o lilás.

VIOLETA




O violeta é o purificador ideal, ele limpa as idéias. É estimulante para a natureza intuitiva (espiritual). O efeito do violeta é grandiosamente inspirador, sendo percebido nos grandes trabalhos de artes, música, poesia, pintura, etc., pois é um estimulante dos mais altos ideais humanos.

Como usar: em quartos de meditação, nas suas tonalidades mais suaves, ou em detalhes de decoração.

VERDE



Está entre o amarelo e o azul, no centro do espectro. Significa o equilíbrio entre as cores quentes e extrovertidas do espectro vermelho, laranja e amarelo e as cores frias e introvertidas do espectro azul, roxo e violeta. É a cor da harmonia e do equilíbrio. Simboliza a esperança, a renovação, fertilidade, crescimento e saúde. O verde acalma e ajuda a curar corações partidos. Em exagero, pode provocar raiva, inveja e imaturidade. É geralmente apreciado pelas pessoas gentis e sinceras. Podem ser pessoas discretas, modestas e pacientes. No Feng Shui deve ser utilizada na área da Família.



Como usar: ótimo para quartos e casas de banho.
Evite o verde puro perto de pacientes com câncer, pois ele estimula o crescimento das células.


Fonte: www.portalalpha.com.br

Abraços floridos para voce e boas energias!

domingo, 1 de julho de 2012

A necessidade de olhar diferente...





Sempre olhamos para as coisas com olhos velhos.
Você chega em sua casa; você olha pra ela sem olhar pra ela.
Você a conhece – não há necessidade de olhar pra ela.
Você tem entrado nela de novo e novamente por anos seguidos.
Você vai até a porta, você abre a porta, você entra.
Mas não há necessidade de olhar.

Todo esse processo continua como um robô, mecanicamente, inconscientemente.
Se alguma coisa der errado, somente se sua chave não se encaixar na fechadura, 
assim você olha pra fechadura. Se a chave funciona, você nunca olha pra fechadura. 
Por causa dos hábitos mecânicos, fazendo a mesma coisa repetidamente
 de novo e de novo, você perde a capacidade de olhar; 
você perde a frescura do olhar.

Relembre a última vez que você olhou para sua esposa.
A última vez que você olhou para sua esposa ou para seu marido pode ter sido anos atrás.
Por quantos anos você não tem olhado? Você apenas passa, dando uma olhada eventual, 
mas não um olhar. Vá novamente e olhe para sua esposa ou para seu marido 
como se você estivesse olhando pela primeira vez. Por quê?
Caso você estiver olhando pela primeira vez,
seus olhos ficarão cheios com um frescor.
Eles ficarão vivos.

Dizem que nada é novo debaixo do céu.
Na verdade, nada é velho debaixo do céu.
Só os olhos ficam velhos, acostumados às coisas; 
assim nada é novo. Para as crianças tudo é novo: 
é por isso que tudo lhes dá excitamento. 
Até uma pedra colorida na praia, e elas ficam tão excitadas.
E tudo é um mundo novo, uma nova dimensão.

Olhe para os olhos das crianças – para o frescor, a vivacidade radiante, a vitalidade.
Eles parecem como espelhos, silenciosos, porém penetrantes.
Só tais olhos podem alcançar dentro.

Qualquer coisa servirá. Olhe para seus sapatos.
Você os tem usado por anos, mas olhe como se fosse pela primeira vez
e veja a diferença: 
a qualidade de sua consciência subitamente muda.
Essa técnica é só para tornar seus olhos frescos
– tão frescos, vivos, radiantemente vitais, 
que eles possam mover-se para dentro e 
você possa dar uma olhada 
no seu eu interior.

Se você estiver livre do passado e tiver um olhar que possa ver o presente,
você irá penetrar na existência. E essa entrada será dobrada:
você entrará em tudo, em seu espírito, e você entrará em você mesmo também
porque o presente é a porta.
Todas as meditações de uma maneira ou de outra tentam conseguir que você viva o presente.
 Assim essa técnica é uma das mais belas técnicas 
– e fácil.

Fonte: Osho, em "The Book of Secrets"





Veja Também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Edna MarS"