terça-feira, 27 de setembro de 2011

Dia 27 de Setembro-dia Nacional do Doador de Órgãos e Tecidos


Consciência dos brasileiros sobre o ato de doar órgãos é fator primordial para a realização de transplantes

Vinte e sete de setembro é o Dia Nacional de Doação de Órgãos. Segundo a ABTO - Associação Brasileira de Transplante de Órgãos, o Brasil é o segundo país do mundo em número de transplantes realizados por ano. Mas ainda precisamos conscientizar a população sobre o assunto.

O transplante é um procedimento médico com enormes perspectivas para pessoas com insuficiências orgânicas terminais ou crônicas. Uma das formas de doação é com doadores não vivos, ou seja, aqueles em que a morte encefálica foi detectada, tendo a parada definitiva e irreversível do encéfalo, que provoca em poucos minutos a falência de todo o organismo. As principais causas são: traumatismo craniano grave, tumor intracraniano ou derrame cerebral.

Segundo Dr. Luiz Eduardo Bettarello, Cardiologista e Superintende Médico do Hospital Samaritano de São Paulo, a população brasileira tem que estar consciente da necessidade de depois da morte destinar os seus órgãos para salvar muitas vidas. “Não é necessário deixar nada por escrito, mas é fundamental comunicar a família o desejo de ser um doador, para que o procedimento seja autorizado”, salienta Dr. Bettarello.

Pessoas de todas as idades podem ser consideradas potenciais doadoras, sendo que a sua condição médica no momento da morte determinará quais órgãos e tecidos poderão ser doados. Pode-se doar coração, córneas, osso, rim, medula óssea, fígado, pulmão, pâncreas e pele. “Os órgãos são removidos cirurgicamente em uma operação de rotina”, explica o médico.

Os órgãos serão doados para indivíduos que estejam na lista de espera, de acordo com a gravidade da doença, tempo de espera, tipo de sangue e outras informações médicas. Testes laboratoriais confirmam a compatibilidade entre doador e receptores.

Outra maneira de doação é com indivíduo vivo, ou seja, pessoa que possa doar órgão ou tecido sem comprometimento da saúde e que tenha sido avaliada por médico. Parentes até quarto grau e cônjuges podem ser doadores. Não parentes somente com autorização judicial.
Pode-se doar: rim, medula óssea, fígado, pulmão e pâncreas.



Meu Nome


(Meu nome em árabe)


Meu nome escrevi na areia.
O oceano o roubou!
Levou-o para longe…
... de mim ...

... para se encontrar em mim
que de mim saí
para me encontrar
fora do que de mim existe
e … os olhos não vêm,
… o coração não sente,
… a alma não encontra,
… o corpo desnorteia.
Lancei meu nome no vento!
Viajou por todos os cantos,
viu o encanto que de mim sai,
sem ver que seu feitiço
me dilacera …
pela descrença da robustez.
Meu nome branqueei na água salgada!
Removi o fascínio do futuro
a ilusão e contradições,
de sonhos transmutados
em realidade dilacerada.
Meu nome está aqui,
sou eu, assim como sou,
não sendo nunca o que sou,
para ser o que tenho de ser!
(Serenidade)

Mágicas palavras



As palavrinhas mágicas,
enchem-me de alegria,
proferidas com tua doçura,
alegram o agitado dia.

A formosura das letras,
unem-se na perfeição,
exalam imensa doçura,
saboreio-as com paixão.

Ora pedidas com meiguice,
ora naturalmente proferidas,
são melodia para os ouvidos,
de quem te é muito querido.

O som ecoado no meu coração,
das doces letras unidas com amor,
voam através das partículas atómicas,
colidem na carapaça, que abalou, sem favor.

"De que adianta correr quando estamos na estrada errada?"
(Provérbio Alemão)



Sorvo a doçura do teu amor,
deixo que se entranhe nos laços que nos unem
embriago-me com a tua delicadeza
em gotículas que se fundem,

delicio-me …


"Pessoas choram não porque são fracas...Mas porque elas vem sendo fortes por muito tempo."
(autor desconhecido)

Abraço





Há um abraço incontido que deixei de abraçar,
quatro braços a, timidamente, se entrelaçar.
A voz tímida, míngua, afastou-te de perto de mim,
o zumbido do mar, a melodia de um querubim.
Quis dizer-te o quanto o teu abraço me estava a assustar,
o quanto meu corpo temia voltar a amar,
ah, como as minhas células alegraram-se pela proximidade das tuas,
sentia-me completamente nua,
despiste-me a armadura,
permitis-te que meu canastro vagueasse sem rumo.
Deixei as resistências caírem na areia,
um sorriso tímido se escapulir da teia,
o meu coração navegou com a força das marés,
a minha mente divagou de lés a lés.
Alimentei-me com os teus sentimentos,
o lado esquerdo enterneceu-se no momento.
Com o manjar finalizado,
e o abraço dado,
abeirou-se a altura dos teus lábios tocarem os meus,
e, sem resistência, os meus braços entrelaçarem-se nos teus.

"O desejo não é o que vês, mas aquilo que imaginas."
Paulo Coelho in Onze minutos

Lenda Árabe -O Valor da Amizade




Conta uma lenda árabe que dois amigos viajavam frequentemente pelo deserto e certa vez discutiram, brigaram e um esbofeteou o outro. O que apanhou sem nada dizer escreveu na areia "Hoje, meu melhor amigo me bateu no rosto".
Mais tarde fizeram as pazes e seguiram viagem. Chegaram num oásis resolveram tomar banho. O que havia sido esbofeteado começou a afogar-se, sendo salvo por seu amigo. Quando se recuperou escreveu numa pedra "Hoje meu melhor amigo salvou minha vida".
Intrigado, o outro perguntou:“- diga-me; por que depois que bati em você escreveu na areia, agora que te salvei a vida escreveu na pedra?” Sorrindo, o outro respondeu:“-
Quando um grande amigo nos ofende, deveremos escrever na areia, onde o vento do esquecimento e do perdão se encarregam de apagar. Mas quando nos faz algo grandioso, deveremos gravar na pedra da memória do coração, onde nenhum vento do mundo poderá apagar!”

Esta lenda é para todos os meus amigos de verdade.
Beijinhos

Edna MarS

domingo, 25 de setembro de 2011

Água - Fonte Natural de Saúde




Ninguém vive sem água. Literalmente. Em casos extremos, o ser humano pode sobreviver até semanas sem comer. Sem água, no máximo quatro dias. Além de fazer parte de todas as células do organismo, a água que ingerimos auxilia no transporte dos nutrientes e hormônios através do sangue. Dá maciez e elasticidade à pele, reduz o atrito das articulações. Ela está nas secreções como lágrimas, saliva e suco gástrico e ajuda a regular a temperatura do corpo por meio do suor, além de contribuir para diluir os resíduos e eliminar as toxinas pela urina.

Por todos esses papéis fundamentais, é importantíssimo se hidratar bem ao longo da vida. A necessidade diária de consumo de água varia de pessoa para pessoa, mas a recomendação geral é de 1,5 a 2 litros – de seis a oito copos.

Para quem está em tratamento de câncer, uma boa hidratação é mais importante ainda, porque a quimioterapia pode aumentar o grau de substâncias tóxicas no sangue. Como os rins têm a função de filtro, se faltar água eles é quem sofrem para se livrar de todo esse “lixo”.

Uma boa medida para se manter hidratado é prestar atenção aos alarmes emitidos pelo próprio corpo. Sentimos sede quando a quantidade de água no organismo está baixa e sangue muito concentrado.

À medida que envelhecemos, o mecanismo da sede fica prejudicado. Além disso, acabamos tendo maior dificuldade em nos hidratar em razão das próprias alterações fisiológicas do envelhecimento.

Para se hidratar, basta água: pode ser do filtro, mineral, gaseificada ou de fontes termais. Mas também valem chá e sucos de frutas. Já com os isotônicos, é preciso moderação. Criados para as necessidades de esportistas, eles têm sódio, glicose e corantes, que podem causar intolerância durante o tratamento.

Além de limpar o corpo e a pele de toxinas, a água serve também para lavar a alma. O contato com o líquido acalma, é lúdico e ajuda a relaxar. Quem está fazendo quimioterapia, no entanto, precisa tomar alguns cuidados antes de mergulhar. Se o paciente tiver um cateter do tipo parcialmente implantado, não pode realizar nenhum tipo de banho de imersão. Nesses casos, uma ducha com sais de banho ou mesmo um escalda-pés podem ser revigorantes.

Pacientes que utilizam cateteres totalmente implantados não têm problemas com o banho de imersão, desde que redobrem o cuidado com a higiene do local escolhido. No período pós-quimioterapia, quando o paciente está com a imunidade baixa, o risco de infecções cresce, por isso o uso de piscinas ou “banhos” coletivos não é indicado. Também o banho com águas medicinais, em estâncias termais, apesar de revigorante, deve ser visto com cautela por quem recebe quimioterapia altamente mieloablativa, que determina a redução do número das células de defesa do organismo. Com esses cuidados, não há restrições para longos banhos de banheira, ofurô e hidromassagem.

Texto extraído da Revista da ABRALE, edição 15


Tudo só depende de nós...




Hoje levantei cedo pensando no que tenho a fazer antes que o relógio marque meia noite. É minha função escolher que tipo de dia vou ter hoje.

Posso reclamar porque está chovendo ou agradecer às águas por lavarem a poluição. Posso ficar triste por não ter dinheiro ou me sentir encorajado para administrar minhas finanças, evitando o desperdício. Posso reclamar sobre minha saúde ou dar graças por estar vivo.

Posso me queixar dos meus pais por não terem me dado tudo o que eu queria ou posso ser grato por ter nascido. Posso reclamar por ter que ir trabalhar ou agradecer por ter trabalho. Posso sentir tédio com o trabalho doméstico ou agradecer a Deus por ter um teto para morar.

Posso lamentar decepções com amigos ou me entusiasmar com a possibilidade de fazer novas amizades. Se as coisas não saíram como planejei posso ficar feliz por ter hoje para recomeçar.

O dia está na minha frente esperando para ser o que eu quiser. E aqui estou eu, o escultor que pode dar forma.

Tudo depende só de mim.

Charles Chaplin

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Legislação Ambiental Brasileira









Principais leis de proteção ambiental no Brasil

- Novo Código Florestal Brasileiro - Lei nº 4771/65 (ano 1965)

- promulgada durante o segundo ano do governo militar, estabeleceu que as florestas existentes no território nacional e as demais formas de vegetação, ...são bens de interesse comum a todos os habitantes do País.

- Política Nacional do Meio Ambiente - Lei nº 6938/81 (ano 1981)

- tornou obrigatório o licenciamento ambiental para atividades ou empreendimentos que possam degradar o meio ambiente. Aumentou a fiscalização e criou regras mais rígidas para atividades de mineração, construção de rodovias, exploração de madeira e construção de hidrelétricas.

- Lei de Crimes Ambientais - Decreto nº 3179/99 (ano 1999)

- instituiu punições administrativas e penais para pessoas ou empresas que agem de forma a degradar a natureza. Atos como poluição da água, corte ilegal de árvores, morte de animais silvestres tornaram-se crimes ambientais.

- Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza (SUNC) - Lei nº 9985/2000 (ano 2000)

- definiu critérios e normas para a criação e funcionamento das Unidades de Conservação Ambiental.

- Medida Provisória nº 2186-16 (ano 2001)

- deliberou sobre o acesso ao patrimônio genético, acesso e proteção ao conhecimento genético e ambiental, assim como a repartição dos benefícios provenientes.

- Lei de Biossegurança - Lei nº 11105 (ano 2005)

- estabeleceu sistemas de fiscalização sobre as diversas atividades que envolvem organismos modificados geneticamente.

- Lei de Gestão de Florestas Públicas - Lei nº 11284/2006 (ano 2006)

- normatizou o sistema de gestão florestal em áreas públicas e criou um órgão regulador (Serviço Florestal Brasileiro). Esta lei criou também o Fundo de Desenvolvimento Florestal.

- Medida Provisória nº 458/2009 (ano 2009)

- estabeleceu novas normas para a regularização de terras públicas na região da Amazônia.

Fonte: Pesquisa.com

Livros sobre o Aquecimento Global


Livros sobre o Aquecimento Global

O Aquecimento Global - Série Mais Ciência
Autor: Pearce, Fred
Editora: Publifolha

A Fraude do Efeito Estufa - Aquecimento Global, Mudança Climática: Os Fatos
Autor: Bluchel, Kurt G.
Editora: Publishing House Lobmaier

Aquecimento Global
Autor: Veiga, Jose Eli
Editora: Senac São Paulo

O Aquecimento Global - Série Folha Explica
Autor: Angelo, Claudio
Editora: Publifolha

Aquecimento Global Não Dá Rima com Legal
Autor: Obeid, César
Editora: Moderna

Como Combater o Aquecimento Global
Autor: Yarrow, Joanna
Editora: Publifolha

Cool It - Muita Calma Nessa Hora - O Guia de um Ambientalista Cético Sobre o Aquecimento Global
Autor: Lomborg, Bjorn
Editora: Campus

Manual Live Earth de Sobrevivência ao Aquecimento Global
Autor: Rothschild, David de
Editora: Manole

O Aquecimento Global - A Influência do Clima no Apogeu e Declínio das Civilizações
Autor: Fagan, Brian
Editora: Larousse Brasil

Terra Sob Pressão - A Vida na Era do Aquecimento Global - Coleção Polêmica
Autor: Caldas, Sergio Tulio
Editora: Moderna

Alternativas ao Aquecimento Global
Autor: Freire, Paulo
Editora: Loyola

Aquecimento Global - Coleção Nosso Ambiente
Autor: Dcl
Editora: DCL Difusão Cultural

Aquecimento Global - O que Podemos Fazer
Autor: Fleury, José Maria
Editora: Kelps

Aquecimento Global e Créditos de Carbono - Coleção Lexnet
Autor: Souza, Rafael Pereira de
Editora: Quartier Latin


Fonte: Pesquisa.com

O Aquecimento Global





Todos os dias acompanhamos na televisão, nos jornais e revistas as catástrofes climáticas e as mudanças que estão ocorrendo, rapidamente, no clima mundial. Nunca se viu mudanças tão rápidas e com efeitos devastadores como tem ocorrido nos últimos anos.

A Europa tem sido castigada por ondas de calor de até 40 graus centígrados, ciclones atingem o Brasil (principalmente a costa sul e sudeste), o número de desertos aumenta a cada dia, fortes furacões causam mortes e destruição em várias regiões do planeta e as calotas polares estão derretendo (fator que pode ocasionar o avanço dos oceanos sobre cidades litorâneas). O que pode estar provocando tudo isso? Os cientistas são unânimes em afirmar que o aquecimento global está relacionado a todos estes acontecimentos.

Pesquisadores do clima mundial afirmam que este aquecimento global está ocorrendo em função do aumento da emissão de gases poluentes, principalmente, derivados da queima de combustíveis fósseis (gasolina, diesel, etc), na atmosfera. Estes gases (ozônio, dióxido de carbono, metano, óxido nitroso e monóxido de carbono) formam uma camada de poluentes, de difícil dispersão, causando o famoso efeito estufa. Este fenômeno ocorre, pois, estes gases absorvem grande parte da radiação infra-vermelha emitida pela Terra, dificultando a dispersão do calor.

O desmatamento e a queimada de florestas e matas também colabora para este processo. Os raios do Sol atingem o solo e irradiam calor na atmosfera. Como esta camada de poluentes dificulta a dispersão do calor, o resultado é o aumento da temperatura global. Embora este fenômeno ocorra de forma mais evidente nas grandes cidades, já se verifica suas conseqüências em nível global.

Derretimento de gelo nas calotas polares:

uma das consequências do aquecimento global.

Conseqüências do aquecimento global

- Aumento do nível dos oceanos: com o aumento da temperatura no mundo, está em curso o derretimento das calotas polares. Ao aumentar o nível da águas dos oceanos, podem ocorrer, futuramente, a submersão de muitas cidades litorâneas;
- Crescimento e surgimento de desertos: o aumento da temperatura provoca a morte de várias espécies animais e vegetais, desequilibrando vários ecossistemas. Somado ao desmatamento que vem ocorrendo, principalmente em florestas de países tropicais (Brasil, países africanos), a tendência é aumentar cada vez mais as regiões desérticas do planeta Terra;
- Aumento de furacões, tufões e ciclones: o aumento da temperatura faz com que ocorra maior evaporação das águas dos oceanos, potencializando estes tipos de catástrofes climáticas;
- Ondas de calor: regiões de temperaturas amenas tem sofrido com as ondas de calor. No verão europeu, por exemplo, tem se verificado uma intensa onda de calor, provocando até mesmo mortes de idosos e crianças.

Protocolo de Kyoto

Este protocolo é um acordo internacional que visa a redução da emissão dos poluentes que aumentam o efeito estufa no planeta. Entrou em vigor em 16 fevereiro de 2005. O principal objetivo é que ocorra a diminuição da temperatura global nos próximos anos. Infelizmente os Estados Unidos, país que mais emite poluentes no mundo, não aceitou o acordo, pois afirmou que ele prejudicaria o desenvolvimento industrial do país.

Conferência de Bali

Realizada entre os dias 3 e 14 de dezembro de 2007, na ilha de Bali (Indonésia), a Conferência da ONU sobre Mudança Climática terminou com um avanço positivo. Após 11 dias de debates e negociações. os Estados Unidos concordaram com a posição defendida pelos países mais pobres. Foi estabelecido um cronograma de negociações e acordos para troca de informações sobre as mudanças climáticas, entre os 190 países participantes. As bases definidas substituirão o Protocolo de Kyoto, que vence em 2012.

Conferência de Copenhague - COP-15

A 15ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima foi realizada entre os dias 7 e 18 de dezembro de 2009, na cidade de Copenhague (Dinamarca). A Conferência Climática reuniu os líderes de centenas de países do mundo, com o objetivo de tomarem medidas para evitar as mudanças climáticas e o aquecimento global. A conferência terminou com um sentimento geral de fracasso, pois poucas medidas práticas foram tomadas. Isto ocorreu, pois houve conflitos de interesses entre os países ricos, principalmente Estados Unidos e União Européia, e os que estão em processo de desenvolvimento (principalmente Brasil, Índia, China e África do Sul).

De última hora, um documento, sem valor jurídico, foi elaborado visando à redução de gases do efeito estufa em até 80% até o ano de 2050. Houve também a intenção de liberação de até 100 bilhões de dólares para serem investidos em meio ambiente, até o ano de 2020. Os países também deverão fazer medições de gases do efeito estufa a cada dois anos, emitindo relatórios para a comunidade internacional.


Fonte: Pesquisa.com


Soluções para o Aquecimento Global
Exemplos de medidas para diminuir o aquecimento global, através do desenvolvimento sustentável

energia eólica, medida para combater o aquecimento global


Energia eólica: fonte de energia limpa para combater o aquecimento global


A emissão de gases poluentes tem provocado, nas últimas décadas, o fenômeno climático conhecido como efeito estufa. Este tem gerado o aquecimento global do planeta. Se este aquecimento continuar nas próximas décadas, poderemos ter mudanças climáticas extremamente prejudiciais para o meio ambiente e para a vida no planeta Terra.

Soluções para diminuir o Aquecimento Global

- Diminuir o uso de combustíveis fósseis (gasolina, diesel, querosene) e aumentar o uso de biocombustíveis (exemplo: biodíesel) e etanol.

- Os automóveis devem ser regulados constantemente para evitar a queima de combustíveis de forma desregulada. O uso obrigatório de catalisador em escapamentos de automóveis, motos e caminhões.

- Instalação de sistemas de controle de emissão de gases poluentes nas indústrias.

- Ampliar a geração de energia através de fontes limpas e renováveis: hidrelétrica, eólica, solar, nuclear e maremotriz. Evitar ao máximo a geração de energia através de termoelétricas, que usam combustíveis fósseis.

- Sempre que possível, deixar o carro em casa e usar o sistema de transporte coletivo (ônibus, metrô, trens) ou bicicleta.

- Colaborar para o sistema de coleta seletiva de lixo e de reciclagem.

- Recuperação do gás metano nos aterros sanitários.

- Usar ao máximo a iluminação natural dentro dos ambientes domésticos.

- Não praticar desmatamento e queimadas em florestas. Pelo contrário, deve-se efetuar o plantio de mais árvores como forma de diminuir o aquecimento global.

- Uso de técnicas limpas e avançadas na agricultura para evitar a emissão de carbono.

- Construção de prédios com implantação de sistemas que visem economizar energia (uso da energia solar para aquecimento da água e refrigeração).

*Se cada um fizer a sua parte, com conscientização nós poderemos mudar o panorama dessa catástrofe!


Abraços

Edna MarS



SPRING! E VIVA A PRIMAVERA!


A estação das flores

A primavera é uma das quatro estações do ano. Ela ocorre após o inverno e antes do verão. No hemisfério sul, onde está localizado o Brasil, a primavera tem início em 23 de setembro e termina no dia 21 de dezembro.

É uma época em que ocorre o florescimento de várias espécies de plantas. Portanto, é um período em que a natureza fica bela, presenteando o ser humano com flores coloridas e perfumadas. A função deste florescimento é o início da época de reprodução de muitas espécies de árvores e plantas.

No tocante a astronomia, a primavera ocorre no equinócio de setembro (momento do ano em que o dia e a noite possuem a mesma duração, 12 horas cada).

Já com relação a mudanças climáticas, é um período em que as temperaturas vão, aos poucos, aumentando. O mesmo ocorre com as águas do mar. As temperaturas, em grande parte dos países do hemisfério sul, ficam amenas.

Flores que se destacam na primavera: rosa, girassol, margaridinha, orquídea, jasmim, hortênsia, helicônia, alamanda, clívia, gérbera, hibisco, gazânia, jasmim-estrela, lágrima-de-cristo, boca-de-leão, crisântemo, frésia, estefânia, narciso, violeta, dedaleira, dama-da-noite.





sábado, 17 de setembro de 2011

LINKS


Links

Transplantes
Transplantes em medula óssea
Organizações Governamentais Ligadas à Saúde
Organizações Internacionais
Hospitais e Associações Médicas
Interesse Geral
Ciências da Saúde: Associações e Sociedades

ES é o terceiro Estado no Brasil a zerar espera por transplante de córnea!



A fila para quem aguarda por uma córnea no Espírito Santo, que já chegou a ultrapassar 300 pacientes, não existe mais. Segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), no começo deste mês, as últimas quatro pessoas da lista receberam doação por meio da Central de Captação de Órgãos da Secretaria de Estado da Saúde (CNCDO). Todas passaram pelo transplante – o último deles realizado nesta semana. Como resultado, 16 córneas excedentes puderam ser ofertadas à Central Nacional de Transplantes (CNT), que as encaminhou para Goiás.

O feito coloca o Estado entre os três do Brasil onde não há espera por córnea. O Espírito Santo já chegou a ter 325 pacientes aguardando por doação de córnea. Entretanto, a quantidade de pessoas na lista foi diminuindo à medida que a quantidade de transplantes aumentava. Em 2009, foram realizados 131 procedimentos; em 2010, foram 159 e em 2011, 193, nos seis primeiros meses. Em julho deste ano, a fila era de apenas 37 e em setembro, chegou a zero. Agora, quem precisar do tecido, não precisará aguardar.

O desempenho do Estado rendeu-lhe a quinta posição no ranking nacional quando se calcula o número de transplantes de córnea por milhão de população (com 86,6%). Segundo a Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO), a informações é relativa ao primeiro semestre de 2011 e não leva em conta, portanto, o fim da lista de receptores do tecido.

Hospitais credenciados para realizar transplante de córnea:

Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes (HUCAM)
Hospital Evangélico de Vila Velha (HEVV)
Centro de Cirurgia Ocular do Espírito Santo
Hospital Mata da Praia
Instituto Oftalmológico Santa Luzia

Fonte: G1

Publicado em 16/08/11

Veja a matéria completa publicada em seu veículo de origem

Gustavo ainda precisa de Doações! saiba como ajudar




Gustavo Fernandes, de apenas 2 anos, vem travando uma verdadeira batalha pela vida desde que nasceu. Portador de cardiopatia congênita complexa—atresia pulmonar—, o pequeno Gustavo precisou se submeter a uma intervenção cirúrgica pela primeira vez em 19 de maio de 2009, e após oito dias da operação sofreu uma paralisia diafragmática.
No dia 10 de julho de 2010 precisou passar por cateterismo para colocação de um stent.

Mesmo sofrendo com meningite e apresentando uma baixa resistência imunológica, Gustavo foi operado novamente no último dia 22 de agosto, a fim de corrigir um problema pulmonar em decorrência de sua doença.

Na segunda-feira, 5, Gustavo retorna do Rio de Janeiro para continuar o tratamento em Nova Friburgo.
Em função da meningite contraída pouco antes da última cirurgia, ele não poderá receber visitas devido à baixa imunidade.

A mãe do pequeno Gustavo, Xaiana Fernandes, depende da solidariedade dos friburguenses, pois o bebê necessita de um remédio que custa R$ 389 por mês, um leite especial chamado Afetamil Soja, e de um fisioterapeuta com formação em problemas cardíacos, especialidade que poucos profissionais desta área possuem.

Os familiares de Gustavo não dispõem de tais recursos e por isso apelam pela ajuda da população.

As doações podem ser feitas na conta poupança 338427-0,

agência 0186, operação 013,

no nome da titular, Thaína Carvalho Schimidt, na Caixa Econômica Federal,

ou ainda na

conta corrente 010062308,

agência 3216,

também em nome de Thaína Carvalho Schimidt, no Banco Santander.

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones

(22) 9271-3045, com Gessica,

ou (22) 9744 8212, com Thaína.

Fonte: A Voz da Serra

Publicado em 06/09/11

Veja a matéria publicada em seu veículo de origem

Hemocentros do Brasil

Localize o Hemocentro mais próximo de você!

A Fundação Pró Sangue te ajuda!...clique aqui:

Mapa do Brasil

São Paulo

Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo - Posto Clínicas

Endereço: Av. Enéas Carvalho Aguiar, 155 – 1º andar
Bairro: Cerqueira César
Cidade: São Paulo/SP
Site: http://www.prosangue.sp.gov.br
E-mail: faleconosco@prosangue.sp.gov.br
Alô Pró-Sangue: 0800-55-0300
Ver Mapa

Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo - Posto Dante Pazzanese

Endereço: Av. Dante Pazzanse, 500
Bairro: Ibirapuera
Cidade: São Paulo/SP
Site: http://www.prosangue.sp.gov.br
E-mail: faleconosco@prosangue.sp.gov.br
Alô Pró-Sangue: 0800-55-0300
Ver Mapa

Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo - Posto Mandaqui

Endereço: R. Voluntários da Pátria, 4227
Bairro: Mandaqui
Cidade: São Paulo/SP
Site: http://www.prosangue.sp.gov.br
E-mail: faleconosco@prosangue.sp.gov.br
Alô Pró-Sangue: 0800-55-0300

Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo - Posto Osasco

Endereço: R. Ari Barroso, 355
Bairro: Bonfim
Cidade: Osasco/SP
Site: http://www.prosangue.sp.gov.br
E-mail: faleconosco@prosangue.sp.gov.br
Alô Pró-Sangue: 0800-55-0300

Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo - Posto Barueri

Endereço: R. Angela Mirella, 354 – térreo
Bairro: Jardim Belval
Cidade: Barueru/SP
Site: http://www.prosangue.sp.gov.br
E-mail: faleconosco@prosangue.sp.gov.br
Alô Pró-Sangue: 0800-55-0300

Hemocentro Regional de Ribeirão Preto

Endereço: R. Tenente Catão Roxo, nº 2501
Bairro: Monte Alegre
Cidade: Ribeirão Preto/SP
Site: http://www.hemocentro.fmrp.usp.br
Telefone: 0800-979-6049

Hemocentro Regional de Marilia

Endereço: R. Lourival, nº 240
Bairro: Fragata
Cidade: Marília/SP
Site: http://www.famema.br/hemocentro
E-mail: doador@famema.br
Telefone: (14) 3402-1850

Hemocentro Regional de Campinas

Endereço: R. Carlos Chagas, 480
Bairro: Cidade Universitária Prof. Zeferino Vaz
Cidade: Campinas/SP
Site: http://www.hemocentro.unicamp.br
Telefone: 0800-722-8432

Hemocentro de Botucatu / UNESP

Endereço: Campus de Botucatu, s/nº
Bairro: Faculdade de Medicina Distrito de Rubião Jr.
Cidade: Botucatu/SP
Site: http://www.hemocentro.fmb.unesp.br
E-mail: doadordesangue@fmb.unesp.br
Telefone: (14) 3811-6041 – ramal 225 / 209 (coleta)
Telefone: 3814-8004 (Cidinha)

Hemocentro de São José do Rio Preto

Endereço: Av. Jamil Peres Kfouri, 80
Bairro: Jd. Panorama
Cidade: São José do Rio Preto/SP
Site: http://www.hospitaldebase.com.br/hemocentro.php
Telefone: (17) 3201-5151

Hemonúcleo de Santos

Endereço: R. Oswaldo Cruz, 197
Bairro: Boqueirão
Cidade: Santos/SP
E-mail: doador-hemosantos@saude.sp.gov.br
Telefone: (13) 3202-1428

Hemonúcleo de Hematologia e Hemoterapia

Endereço: Av. Independência, 953
Bairro: Cidade Alta
Cidade: Piracicaba/SP
Telefone: (19) 3422-2019

Hemonúcleo de Bauru

Endereço: R. Monsenhor Claro, 888
Bairro: Centro
Cidade: Bauru/SP
Telefone: (14) 3234-4412
Telefone: 3227-2942

Hemonúcleo de Araraquara

Endereço: R. Expedicionários do Brasil, s/nº – Araraquara / SP
Bairro: Centro
Cidade: Araraquara/SP
Telefone: (16) 3301-6102

Hemonúcleo de Taubaté

Endereço: R. Joaquim Távora, s/nº – anexo ao Hospital Universitário
Bairro: Vila Ns. das Graças
Cidade: Taubaté/SP
Telefone: (12) 3625-7517

Hemonúcleo de Barretos

Endereço: R. Antenor Duarte Villela, 1.331
Bairro: Dr. Paulo Prata
Cidade: Barretos/SP
Telefone: (17) 3321-6600 – ramal 6941

Núcleo de Hemoterapia de Fernandópolis

Endereço: R. Santista, 266
Bairro: Jardim Santista
Cidade: Fernandópolis/SP
Site: http://www.hemocentro.fmrp.usp.br
Telefone: (17) 3442-5544

Núcleo de Hemoterapia de Franca

Endereço: Av. Dr. Hélio Palermo, 4181
Bairro: Santa Eugênia
Cidade: Franca/SP
Site: http://www.hemocentro.fmrp.usp.br
Telefone: (16) 3402-5000

Núcleo de Hemoterapia de Presidente Prudente

Endereço: R. Wenceslau Bras, 05
Bairro: Vila Euclides
Cidade: Presidente Prudente/SP
Telefone: (18) 3223-3511
Telefone: 3223-4490

Hemonúcleo de Catanduva

Endereço: R. 13 de Maio, 974
Bairro: Centro
Cidade: Catanduva/SP
Site: http://www.hospitaldebase.com.br/hemocentro.php
Telefone: (17) 3522-7722

22 de Setembro – Dia Mundial sem Carro




No dia 22 de setembro, comemora-se o Dia Mundial Sem Carro. A data tem o objetivo de chamar a atenção para os vários problemas causados pelo uso massivo de automóveis como forma de deslocamento, sobretudo nos grandes centros urbanos.

O movimento teve início em algumas cidades da Europa, durante a crise do petróleo na década de 70. Conhecida lá fora como World Carfree Day, a data foi oficialmente instituída em 2000 e chegou ao Brasil em 2001.

Reduzindo a pegada ecológica
Os automóveis que utilizamos em nosso cotidiano são movidos à combustíveis fósseis, ou seja, não renováveis. Esta fonte energética que vem do petróleo, do carvão e do gás natural polui o ar, principalmente nos grandes centros urbanos, devido à enorme quantidade de automóveis.

Hoje em dia, a ciência e a sociedade civil têm pressionado o poder público e a iniciativa privada na busca de soluções para a poluição. Este enorme problema agrava o aquecimento global e ocasiona o aumento de doenças respiratórias.

Por isso, um transporte sustentável tem de utilizar eficazmente a energia, ou seja, transportar o máximo de carga possível gastando o mínimo de combustível.

Daí a importância de se utilizar o transporte coletivo e de se oferecer carona
sempre que possível. Andar de bicicleta e fazer pequenos trechos a pé, também ajuda a reduzir sua pegada.

Fonte: WWF Brasil

Veja a matéria publicada em seu veículo de origem

Veja Também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Edna MarS"