domingo, 25 de dezembro de 2011

....O significado do Natal









Ei, você, aonde vai com tanta pressa?

Eu sei que você tem pouco tempo...

Mas, será que poderia me dar uns minutos da sua atenção?

Percebo que há muita gente nas ruas, correndo como você.

Para onde vão todos?

Os shoppings estão lotados...

Crianças são arrastadas por pais apressados, em meio ao torvelinho...

Há uma correria generalizada...

Alimentos e bebidas são armazenados...

E os presentes, então? São tantos a providenciar...

Entendo que você tenha pouco tempo.

Mas, qual é o motivo dessa correria?

Percebo, também, luzes enfeitando vitrines, ruas, casas, árvores...

Mas, confesso que vejo pouco brilho nos olhares...

Poucos sorrisos afáveis, pouca paciência para uma conversa fraternal...

É bonito ver luzes, cores, fartura...

Mas seria tão belo ver sorrisos francos...

Apertos de mãos demorados...

Abraços de ternura...

Mais gratidão...

Mais carinho...

Mais compaixão...

Talvez você nunca tenha notado que há pessoas que oferecem presentes por mero interesse...

Que há abraços frios e calculistas...

Que familiares se odeiam, sem a mínima disposição para a reconciliação.

Mas, porque você me emprestou uns minutos do seu precioso tempo, gostaria de lhe perguntar novamente: Para que tanta correria?

Em meio à agitação, sentado no meio-fio, um mendigo, ébrio, grita bem alto: Viva Jesus. Feliz Natal!

E os sóbrios comentam: É louco!

E a cidade se prepara... Será Natal.

Mas, para você que ainda tem tempo de meditar sobre o verdadeiro significado do Natal, ouso dizer:

O Natal não é apenas uma data festiva, é um modo de viver.

O Natal é a expressão da caridade...

E quem vive sem caridade desconhece o encanto do mar que incessantemente acaricia a praia, num vai-e-vem constante...

Natal é fraternidade...

E a vida sem fraternidade é como um rio sem leito, uma noite sem luar, uma criança sem sorriso, uma estrela sem luz.

Mas o Natal também é união...

E a vida sem união é como um barco furado, um pássaro de asas quebradas, um navegante perdido no oceano sem fim.

E, finalmente, o Natal é pura expressão de amor...

E a vida sem amor é desabilitada para a paz, porque em sua intimidade não sopra a brisa suave do amanhecer, nem se percebe o cenário multicolorido do crepúsculo.

Viver sem a paz é como navegar sem bússola em noite escura... É desconhecer os caminhos que enaltecem a alma e dão sentido à vida.

Enfim, a vida sem amor... Bem, a vida sem amor é mera ilusão.

* * *

Que este Natal seja, para você, mais que festas e troca de presentes...

Que possa ser um marco definitivo no seu modo de viver, conforme o modelo trazido pelo notável Mestre, cuja passagem na Terra deu origem ao Natal...

FELIZ NATAL!
FELIZ NAVIDAD!
MERRY CHRISTMAS!


Autor:

Redação do Momento Espírita.

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Fundos de Ajuda Humanitária do Tsunami: Para Pessoas, Não Baleeiros!!!





Uma frota baleeira japonesa zarpou rumo ao sul para matar as baleias mais majestosas do nosso planeta, e para isso estão usando fundos de ajuda humanitária do tsunami! Enquanto isso, crianças estão abandonadas em áreas radioativas, sem recursos para de lá saírem. Junte-se ao protesto pelas crianças!


Faça a sua parte! Assine a petição clamando ao primeiro-ministro japonês Noda a parar de desviar os fundos de ajuda humanitária para a indústria baleeira.

Podemos dar um basta à matança de baleias financiada pelo governo e garantir que os recursos sejam usados nas vítimas de Fukushima, onde são mais necessários -- vamos mostrar ao Noda que o mundo inteiro está atento.

Compartilhe essa campanha com todos que você conhece usando as ferramentas de Facebook e email abaixo e encaminhe o email original da Avaaz!

SEJA SOLIDÁRIO!




NESTE NATAL SEJA SOLIDÁRIO! DOE VIDA ! DOE MEDULA ÓSSEA!
CADASTRE-SE COMO DOADOR VOLUNTÁRIO DE MEDULA ÓSSEA
EM UM HEMOCENTRO MAIS PRÓXIMO DE SUA CIDADE!

* 10ML DE SEU SANGUE PODE AJUDAR A SALVAR VIDAS!

Há 146 anos nascia o poeta Olavo Bilac!


Há 146 anos nascia o poeta Olavo Bilac!
Um dos grandes escritores do Brasil marcou a literatura para sempre.

Ouvir Estrelas

"Ora (direis) ouvir estrelas! Certo
Perdeste o senso!" E eu vos direi, no entanto,
Que, para ouvi-las muita vez desperto
E abro as janelas, pálido de espanto...

E conversamos toda noite, enquanto
A Via Láctea, como um pálio aberto,
Cintila. E, ao vir o sol, saudoso e em pranto,
Inda as procuro pelo céu deserto.

Direis agora: "Tresloucado amigo!
Que conversas com elas? Que sentido
Tem o que dizes, quando não estão contigo?"

E eu vos direi: "Amai para entendê-las!
Pois só quem ama pode ter ouvido
Capaz de ouvir e de entender estrelas".

domingo, 11 de dezembro de 2011

Greenpeace classifica resultado da COP-17 como fracasso




A ONG internacional Greenpeace criticou duramente a Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas (COP-17) - realizada nas últimas duas semanas em Durban -, descreveu-a como uma "fracasso" e afirmou que os governos participantes "deveriam se sentir envergonhados". "As negociações de Durban acabaram da mesma forma como começaram: em fracasso", diz um comunicado divulgado no site da entidade. "Os governos preferiram ouvir os poluidores ao povo".

O Greenpeace acusa os líderes que participaram da Conferência de terem fracassado no reforço de medidas anteriores de proteção do clima e se manterem "à margem de novas normas globais para lutar contra a mudança climática". "Nos perguntamos como (os líderes) poderão continuar olhando nos olhos de seus filhos e netos quando voltarem para casa", ressalta a organização.

O Greenpeace lembra ainda que, na conferência de dois anos atrás, realizada em Copenhague, os políticos prometeram um fundo de US$ 100 bilhões para ajudar os países mais pobres a enfrentar a mudança climática, mas critica a falta de ação sobre a proposta. "Vieram a Durban dois anos depois apenas planejando desenhar uma maneira para recolher e distribuir o dinheiro. E acaba que nem sequer conseguiram fazer isso", acrescenta a nota.

Apesar do pacto obtido na COP-17 para prorrogar o Protocolo de Kyoto - único acordo de caráter legalmente vinculante contra a mudança climática -, o Greenpeace alega que houve poucos avanços na cúpula. A organização menciona Estados Unidos, União Europeia, China e Índia como obstáculos para um acordo com nações menos desenvolvidas.

"Nos decepcionaram e seu fracasso será medido com a vida dos pobres, os mais vulneráveis e menos responsáveis pela crise da mudança climática".


Fonte:
http://noticias.terra.com.br/ciencia/noticias/0,,OI5513481-EI19408,00-Greenpeace+classifica+resultado+da+COP+como+fracasso.html

domingo, 4 de dezembro de 2011

Homenagem ao Anjinho ISABELLE DA SILVA TEIXEIRA

Ela se foi...
talvez por um destes tantos atalhos que só os anjos conhecem
neste desenrolar infinito de idas e vindas...

Teu corpo físico não está mais entre nós
porque agora és um anjo do Senhor, mas teu espírito
continua tão vivo, que poderemos sentir à cada dia o doce calor
do teu eterno amor.
Permanecerás sempre viva no coração de todos que a amam.
Hoje ofereço a ti pequena Isabelle
o meu carinho em forma de luz e com essa pequena homenagem.

Hoje sei que não sentes mais dores e que o câncer finalmente sumiu.

Deus já não podia te ver assim, por isso te levou para perto dele.


Discordo de quem diz que não somos imortais, concluo que não morremos, mas sim transcendemos à imortalidade através do amor.

Veja Também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Edna MarS"